Aceitamos cartão de Crédito

Minha experiência Capilar

Oi meninas!

Hoje pretendo falar um pouco de minha experiência capilar e de alguns produtos que nos auxiliam bastante no dia a dia, quando nossa cabeleireira de confiança faz um estrago em nosso cabelo e acaba com a gente. Vamos lá...

Comecei a usar química (luzes) em meus cabelos aos quinze anos de idade, hoje estou com trinta anos...Ao longo desses anos fui experimentando e conhecendo vários produtos que ajudam na recuperação do desgaste e deterioração dos fios causado por essas químicas que as vezes são usadas em nossos cabelos sem o nosso consentimento, para talvez uma experiência do cabeleireiro em nós, que neste caso fazemos papel de cobaias.

No início, eu fazia luzes com qualquer descolorante,co mo era adolescente, meu cabelo era forte e resistia bem...de 2 em 2 anos mais ou menos eu tinha que trocar de cabeleireiro, pois esse se acostumava comigo e passava a fazer minhas luzes que qualquer jeito e pra mim ficavam mal feitas, eu não gostava e trocava logo de "profissional".

Mas, mesmo quando adolescente, a partir do momento que eu comecei a fazer luzes, eu sempre hidratei meus fios com cremes de farmácia pelo menos 1 vez por semana. Eu usava muito um creme hidratante capilar da marca VITA A, recarga de queratina, enquanto meus cabelos eram fortes, ele era muito bom e atendia as minhas necessidades, pois com o descolorante que minha cabeleireira da época usava, meus cabelos ficavam apenas ressecados com as luzes...(Época boa)!!!

Depois de um tempo, há uns 5 anos atrás (2006) comecei a fazer luzes com uma outra  cabeleireira, que fazia luzes muito bem, deixava a raiz pretinha bem pequena, e o único efeito colateral era que meu cabelo ficava ressecado. Depois de acostumar comigo, eu acho que ela trocou o produto que usava e não me falou nada. Meu cabelo quebrou todinho nas 2 últimas vezes  que fiz com ela. E saibam que eu sempre falava com ela: "Eu faço mechas com você, porque o produto que você usa apenas resseca meu cabelo, ele não quebra e nem fica elástico, é uma beleza!" Para hidratação, nessa época, eu já podia comprar um hidratante capilar mais concentrado, de marca boa, então usava o Hidratante de Queratina da Vitaderm, exelente, faço uso dele  até hoje, uma vez por mês.

No ano de 2009 eu resolvi abrir a mão e pagar mais um pouco pra fazer mechas em um salão renomado no Rio de Janeiro, o Werner. Eu sabia que havia uma loja deles que era de Trainees, em Copacabana , liguei pra lá, marquei, tomei coragem e fui lá ficar mais loira.

Chegando lá, fui muito bem tratada e a cabeleireira que me atendeu, chamada Lia Mara me apresentou 2 produtos da Loreal, um sem amônia, indicado pra descolorir  cabelos finos e não muito escuros  e um outro produto também da Loreal com amônia, indicado para descolorir cabelos grossos e escuros, ambos produtos não agridem os fios tanto quanto os descolorantes usados na maioria dos salões que estamos acostumadas a freqüentar. O nome do produto é  Platinium  - ele é um produto caro e por isso não é adotado pela maioria das cabeleireiras mas o resultado é espetacular.

Fiz minhas mechas nesse dia, morrendo de medo, mesmo já tendo ouvido falar no exelente trabalho dos cabeleireiros do Werner e na qualidade do produto, mas eu nunca tinha usado em mim, sou do tipo que não acredita muito nos produtos antes de ter feito o test drive.

Demorou umas 5 horas entre a hora que eu assentei na cadeira pra ela puxar as mechas e a hora que passei para outra cadeira pra ela secar meu cabelo e vermos o efeito das novas mechas.

Gente, eu não acreditei no resultado...eu  estava loiríssima, com o cabelo lindissimo, compridissimo e inteirissimo, sem nenhum fio elástico, poroso ou quebradiço... Então pensei: "Esse produto foi feitos pelos Deuses dos cabelos loiros...e esse salão é abençoado por usar esse produto...Tudo perfeito...!"

Ano passado (2010), eu estava fazendo luzes, e como lá no Werner as mechas ficam bem clarinhas do jeito que eu gosto, a raiz do meu cabelo estava ficando muito escura em vista das mechas que eram super claras, e eu como não sou de ficar muito tempo com a mesma cara resolvi pintar meus cabelos de loiro claro acinzentado a fim de clarear a raiz e não fazer luzes de 3 em 3 meses, assim eu pintaria somente a raiz de mês em mês e faria luzes de 6 em 6 meses, pra economizar um pouco. Usei a tinta da Vitaderm, pois eu vendo produtos dessa marca e fica mais barato pra mim, visto que essa tinta é de qualidade profissional e não danifica os cabelos, é na maioria das vezes usada como tratamento capilar, como forma de hidratação, para dar brilho e maciez aos fios.

Em setembro de 2010 pintei meu cabelo, ficou meio estranho nos primeiros dias, mas depois logo me acostumei, só que a raiz preta apareceu rapidamente e com 1 mês eu tive de pintar novamente, já aproveitando para clarear a raiz mais um pouco pois achei que ainda não estava no tom desejado.

Usei a tinta um tom acima do que eu tinha escolhido da última vez: loiro claríssimo acinzentado, pra não ficar laranja, pois odeio aqueles cabelos loiros que ficam alaranjados!

Assim, passei a tinta e na hora que sequei meu cabelo, eu estava horrível, meu irmão me chamava de Pica-pau! Não preciso falar mais nada, não é?! Então, no dia seguinte, pedi a minha mãe que pintasse meus cabelos de escuro, pois o loiro tinha dado errado e eu tinha ficado igual aquelas meninas que passam água oxigenada nos cabelos, meu cabelo virou um verdadeiro cabelo de fogo...uma coisa tremendamente horrorosa. Pintei os cabelos de castanho claro. Ficou ótimo, mas com 15 dias a tinta começou a sair e a cor que estava embaixo a aparecer por ser muito mais clara que a cor escolhida pra jogar por cima do cabelo. Procurei minha promotora da Vitaderm e pedi a ela que me indicasse uma boa profissional pra arrumar o estrago que eu tinha feito nos meus cabelos em casa. Até ai, meus fios ainda estavam bons, pois eu estava hidratando-os com o kit Blindagem dos fios da Vitaderm, que é super fácil e rápido para se usar em casa, na hora do banho mesmo.

Cheguei no salão e conversei com a cabeleireira indicada, expliquei a situação e ela me pediu que fizesse hidratação todas as vezes que eu lavasse os cabelos e marcou pra eu voltar lá após 15 dias. Assim foi feito.Voltei, preparada  pra sair do salão mais morena do que nunca e a cabeleireira me disse que não passaria tinta escura nos meus cabelos e sim faria luzes, pois ela garantia que meus fios resistiriam, pois estavam super hidratados e fortes, preparados para levar outra química! Falei com ela que não achava uma boa idéia, pois meu cabelo iria quebrar todo, visto que já estava com muita tinta e o descolorante que ela usaria não seria o Platinium sem amônia, mas ela me garantiu que iria dar certo e como eu confiava em minha promotora, resolvi dar um voto de confiança à cabeleireira também.(Maldita hora que eu fui fazer isso!)

Gente, vocês não têm idéia do medo que tive quando saí do lavatório para a cadeira do salão. Chegou uma ajudande da cabeleireira e começou a pentear meus cabelos e pra a surpresa delas e não minha iam caindo bolos de cabelos loiros, pareciam pêlos de cão da raça São Bernardo, aqueles que soltam bolas de pêlos a cada pentada. Fiquei desesperada, apavorada e super revoltada, mas de nada adiantava mais. Pedi a cabeleireira que colocasse algum hidratante forte que cortasse o efeito do descolorante, pois meus fios estavam quebradiços,porosos,elásticos, ressecados e duros!

Nessa brincadeira toda, eu fiquei uns 5 meses sem poder pentear os cabelos molhados, tinha de ficar em casa quando os lavava e esperar secar naturalmente, pois o ventinho do secador agredia ainda mais meus fios super fragilizados. O ano já terminava, imaginem passar as festas de fim de ano com um cabelo lixo!! Foi horrível. Até hoje, em maio de  2011, estou sofrendo com quebras e fios porosos e elásticos, pois a química só vai sair quando eu cortá-la fora de minhas madeixas. Já cortei um pouco, mas pouco adiantou. Nessa trajetória, eu usei váaaaaaaaaaaarios produtos que me ajudaram muito. Amanhã postarei fotos dos mesmos e explicarei quais são os procedimentos aos usá-los.

Meninas, por favor procurem um profissional o qual que vocês conheçam o trabalho, procurem fazer mechas com o Platinium sem amônia da Loreal, pois ele é espetacular, quem usa uma vez e vê como o cabelo não danifica, não quer usar outro produto!


Façam suas mechas com segurança e fiquem lindas, cuidem bem de seus cabelos, afinal o cabelo é a moldura do rosto!!!

Bjos e até amanhã!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Sugeridos